Halloween em Toronto: Onde comprar a sua fantasia


O Halloween está chegando e se você ainda não pensou na sua fantasia, já passou da hora de sair as compras! Assista o vídeo com as super dicas e se divirta!


As lojas que eu mencionei no vídeo são:
Dollorama
Value Village
Walmart
Creepers
Spirit Halloween

Já ouvi falar de algumas lojas na Orfus Road também, mas nunca fui lá então não posso dizer se vale a pena ou não.

Continue lendo → http://www.vireicanadense.com

Pepperoni 6 anos

Pepperoni fez 6 anos. E é um novo cachorro. Explico. No começo deste ano a veterinária disse que ele precisava fazer uma “détartrage”, isto é, tirar os tártaros dos dentes. Para fazer isso, precisa de anestesia geral. Depois procurei outras opiniões. Tinha achado caro o orçamento, e não estava muito certo da urgência.  Marquei um rendez-vous num veterinário perto de casa. O vet antigo era em Duvernay, perto de onde eu morava antes, mas bem longe de onde vivo agora. Segundo a nova veterinária, o caso não era tão grave. Uma limpeza resolveria. Como estava pensando em castrá-lo também, ela me propôs fazer os dois na mesma cirurgia.
E ficou bem mais barato do que tinha me proposto a outra clínica. No final fiquei bem contente com o resultado. Os dentes ficaram bem limpos e brancos e o comportamento do Pepperoni mudou muito após a castração. Ele me dava muito trabalho com a tal marcação de território dentro de casa. Após a cirurgia, virou um santo. Um milagre mesmo, agora só faz xixi fora de casa. Se soubesse que seria bom assim, teria feito antes. Sempre achava que com a idade ele melhoraria, mas não.
No resto ele continua o mesmo cachorro alegre e brincalhão de sempre. 


Pepperoni com seu collier élisabéthain que teve que usar por 10 dias


Continue lendo → http://jarrivequebec.blogspot.com

Matemática não serve só pra fazer continha…

... matemática faz muito mais que isso!

Adicionar legenda

A provincia de Ontario (e de uma maneira geral o mundo ocidental) está tendo um problema terrível com o ensino de matemática nas escolas. Este ano, foi um desastre aqui na provincia e vendo as aulas de matemática dos meus filhos, eu consigo entender bem o porquê:

Na escola das minhas crianças o JK/SK passaram para período integral este ano, então o número de crianças que ficam na escola para almoçar aumentou mais ou menos em 15%.

Eu fui voluntária no Pizza lunch e vi uma mesa com apenas 5 alunos onde cabem uns 20 e 6 alunos do grade 6 comendo sentados em um banco, mas não podiam ir para a mesa.

Hoje, um mes depois, o Eduardo estava me contando que está dificil a hora do almoço porque ainda não conseguiram resolver o problema das mesas. Algumas mesas ficam lotadas, outras ficam vazias, alguns grades são separados, outros ficam espremidos juntos e eles não encontram uma solução.

Foi a deixa pra eu falar: "vc viu porque é importante a matemática?"

Não basta pegar o numero de alunos e dividir com a calculadora pelo numero de lugares. Vc tem que desenvolver raciocínio logico para decidir quem vai ficar onde e qual a melhor disposição das mesas para acomodar todas as crianças.

Hoje nós vamos tentar fazer um exercício para treinar esse tipo de raciocínio e quem sabe a gente não encontra uma solução para este problema complicado que é dividir 200 crianças em x mesas!

Continue lendo → http://sergioemarilena.blogspot.com

Agora sou membro da minha Ordem !!!

Meu processo de avaliação da Ordre des Chimistes du Québec terminou.

Meu diploma e minha experiencia profissional foram avaliados e fui aceito como membro de pleno direito. Já paguei as taxas e recebi os documentos.

Felizmente, uma conquista. Agora já posso procurar algumas vagas com o título de Químico.

Mas o processo ainda não acabou. Como meu diploma é estrangeiro, segundo as leis do Québec, tenho que fazer um teste de frances para demonstrar minha capacidade de atuar profissionalmente.

Então, no momento sou membro temporário com validade até o próximo ano (renovável por 3 vezes) até fazer o teste, quando passarei a ser membro permanente. Não há diferença nas permissões de trabalho.

Tudo foi relativamente rápido, o processo levou cerca de 40 dias.

Bem, é isso. Aos poucos vamos caminhando, um passo de cada vez.


Continue lendo → http://lepoussins.wordpress.com

E por falar em mudança…

Domingo é dia de eleição. Segundo turno para presidente e para governador, em alguns estados. Como de costume os partidos de “direta” e de “esquerda” estão disputando a vaga. E como não poderia ser diferente, as redes sociais estão pipocando de defensores e acusadores deste ou daquele partido, deste ou daquele candidato.

Mas não, não estou aqui para falar de política. Tampouco defender candidato ou partido. Menos ainda dizer se seu voto é certo ou errado. Estou aqui para falar de mudança. Dessa mudança que todos andam falando tanto nas redes sociais. Do “muda Brasil!”, que não nos cansamos de dizer, mas nos esquecemos de fazer. E isso sim é o que realmente importa!

Vocês conhecem aquela frase que diz: “cada um faz a sua parte”!? Sim. Claro que conhecem. Ouvimos com mais frequência do que gostaríamos. Mas logo se ouve a defesa: “mas eu sozinho não posso mudar um país inteiro!”. Quem nunca disse isso ou ouviu alguém dizer?! Pois é, esse é o nosso maior erro. Meu, seu, nosso erro. Acreditamos que só podemos mudar o País nas urnas ou quando conseguirmos juntar um grande número de pessoas e fizermos um movimento. É, não é bem por aí não.

O “fazer a minha parte” vale mais do que imaginamos. Não é nas urnas que vamos mudar nosso País, não é com passeatas e panelaços que isso vai acontecer. Nossos gestos do dia-a-dia é que vão mudar o nosso País. São nossas atitudes como cidadãos que somos que trará as mudanças.

Você já parou pra pensar no que você tem feito para que isso aconteça? Nas suas atitudes como cidadão? Em que você vem contribuindo para a aclamada “mudança”?

Pare e pense. Você vai perceber que é pouco, muito pouco ou quase nada. Triste, mas muitas vezes não fazemos nada! Fácil falar, difícil fazer?! Muitos vão bater no peito e dizer que fazem muito, que pagam seus impostos e etc. Se você é um desses, sinto muito, mas você não está fazendo absolutamente nada para mudar seu País! Só está seguindo conforme a onda. Tudo numa boa.

A mudança vem de cada um de nós e não daquele (ou daqueles) que elegemos para nos governar. Antes de serem candidatos, presidentes e etc, são pessoas, cidadãos, como eu e como você. Eles jamais farão acontecer um milagre. Nós é que temos esse poder. Eu sozinha não vou mudar o País. Mas eu sozinha posso fazer minha parte. Assim como você, seu vizinho, seu melhor amigo e por aí vai. Pequenos gestos diários, alguns esporádicos e outros espontâneos fazem toda a diferença.

Você já parou para pensar no que você pode fazer pela educação das crianças carentes? Ou pela saúde dos idosos abandonados? Pelo bem estar da sua vizinhança? Ou mesmo pelo motorista do carro parado ao seu lado no trânsito?

E o que isso tem haver com mudar o País?! TUDO! Doe um livro para uma criança carente. Uma cesta básica para um idoso abandonado. Cuide de um pequeno espaço na praça do seu bairro. Deixe o carro ao seu lado passar na frente quando ele pedir. Nossos pequenos gestos definem quem somos. Se todos agirmos por um bem maior, consequentemente a mudança irá acontecer. Vai começar na sua casa, com seus filhos, seus pais. Depois na sua roda de amigos, com seus colegas de trabalho. No seu bairro, na sua cidade, no seu estado e, sem dúvida nenhuma, no nosso País.

O sentimento que era individual passará a ser coletivo. A sua gentileza, será a gentileza de muitos. A sua mudança, será a de todo um país.

Acredite nisso. Se você acha que não, então você deve estar vivendo em um universo paralelo! Eu posso mudar o meu País! E você também pode! Não viva de utopias e idealizações. Não deposite suas esperanças no seu voto ou no candidato “x” ou “y”. São nossos atos, nossas mudanças, por menores que sejam, que irão mudar nosso País. Lembre-se: o político, antes de ser político é cidadão, é igual a você ou a mim. Se você mudar, ele também vai mudar. E isso pode acontecer mais cedo do que imaginamos. Todos somos cidadãos de uma nação e todos podemos, e devemos, fazer nossa parte!

Este post não é sobre política. Eu não falo sobre política. Não discuto sobre política. E, por enquanto, não acredito em nenhum político. Por isso voto nulo. Sim, é um voto de protesto. É um direito meu, assim como é um direito seu escolher seu candidato ou seu partido. Isso se chama democracia. Não estou falando sobre isso aqui.

Como eu disse, não se trata de política. Se trata de consciência pessoal e social. Estou falando de cada um de nós, de nossas mudanças em prol de uma mudança maior. Pare e pense no que você tem feito pelo seu próximo, por sua cidade, por seu País. Tenho certeza que, com o mínimo de consciência, você vai perceber que pode fazer muito, muito, mas muito mais! Acredite na mudança. Faça a mudança acontecer primeiro em você!

Vamos fazer nossa parte! Olhar para nós mesmos e para nossas atitudes. Porque a mudança começa em cada um.



Continue lendo → http://likeeverythinginlife.wordpress.com