Página 4

Tandil encanta e cativa

Pra quem não sabe, eu sou brasileira, mas meus pais são argentinos. Estou morando em Buenos Aires há quase 4 anos e ainda não tinha tido a oportunidade de conhecer Tandil, a cidade onde minha avó nasceu e meus pais se conheceram. Nem é porque a cidade fique longe. Tandil está só a 371 km […]

The post Tandil encanta e cativa appeared first on Mochila Cult.


Continue lendo → http://mochilacult.com

Buenos Aires para descobrir: Constitución “hipster”!

Constitución, o bairro mais “mal falado” da cidade, ganhou seis páginas na revista Viva, de Clarín, na semana passada!

A matéria destaca que não param de surgir empreendimentos bacanas na região. E chega a chamar o bairro de  “Constitución Hipster, usando o termo em inglês para referir-se a “pessoas que geram sua própria moda e se colocam como a outra face da cultura convencional”.

É um pouco de exagero.

Mas para a gente, que mora aqui e apostou no bairro há cinco anos, é uma ótima notícia que ele esteja com este ar renovado. Ainda que despacito.

constitución_vilvaldi

Vivaldi: Comida saborosa, preços honestos

Creio que a primeira mudança veio com a chegada da FACULDADE DE CIENCIAS SOCIAIS da Universidade de Buenos Aires, que trouxe uma nova população de visitantes, mescla de estudantes e professores e, com eles, novas livrarias e cafés, como o Vivaldi.

Não é Palermo Viejo, mas tem seus encantos.

Vivaldi Livros Bar

Esse barzinho reúne a galera da universidade, tem comida bem gostosa a preços “estudantis” e promove exposições de fotografia e bate-papos com escritores, do calibre de Martín Caparrós, Alan Pauls e Guillermo Saccomanno. Wifi grátis. Checar a programação no Facebook. 

constitución_vivaldi2

Bom humor e literatura, sempre!

constitucion_aramburu

Delicadezas gastronômicas

Aramburu 

Este restaurante, que poucos turistas brasileiros conhecem, é o número 4 no Trip Advisor em Buenos Aires e foi vencedor do Travellers’ Choice™ 2014, ficando em 14º entre os 50 melhores da América Latina. 

Fica em Salta 1050, entre Humberto Primo e Carlos Calvo. Espiem AQUI o menú, criado pelo proprietário e chefe Gonzalo Aramburu.

O jantar custa 680 pesos (sem vinho), mas inclui “12 passos”, com pratos como “langostinos en cocción unilateral sobre piedra refractaria, olvidados en fermento oriental y mandarina nitrogenada” ou “conejo cocido a 65 grados durante 18 horas, con hongos de estación infusionados en aceite de pino, velo de hierbas, flores silvestres y tierra de algarroba”.

Aramburu Bis

constitucion aramburu bis

Meu xodó!

O Aramburu Bis, que venho falando faz tempo aqui no blog, é a versão mais “popular”, digamos assim, do Aramburu Resto. E tem preços ótimos, especialmente para pratos do dia – 105 pesos (com água).

O serviço, que no início era meio capenga, está ótimo!

A carta é bem reduzida, mas com boas opções. Já provei quase tudo e aconselho o ojo de bife ahumado e o cordeiro. Os vinhos são todos de vinícolas menos comerciais de Mendoza. Aconselho sair do convencional e pedir algo novo!

Humberto Primo e Salta.

 

Centro Región Leonesa

constitucipon milonga

Milonga clássica

Nesse clube de bairro que reúne espanhóis imigrantes da região de León rolam ótimas milongas. Fica em Humberto Primo, 1462

Bela pedida para quem é do tango.

Aos sábados, Los Consagrados e, nas quintas, La Milonga de los Zucca.

 

BA Bikes 

Essa nova loja de aluguel de bikes fica aqui na nossa rua ( San José 539) e oferece dois circuitos pela cidade – Norte e Sul. O aluguel custa 140 pesos por todo o dia ou 230 pesos o tour de quatro horas.

Outros tours que eles oferecem: Graffiti, Foto, Bike & Eat.

constitucion bikes

BA Bikes: Número 19 no Trip Advisor

 

Hospedagem – Airbnb

Uma das casas mais lindas de Buenos Aires está justo aqui neste bairro, quem diria! É de propriedade da artista plástica Lucy Murias e pode ser alugada por Airbnb.  São seis quartos, todos di-vi-nos. Espiem abaixo.

34ad0423_original 44a61a03_original 48ef727b_original a517f05a_original e96a915a_original ae2eb177_original

 

Alma Yoga 

constitucion alma

Super indico

Já fiz muita aula de Yoga nessa vida, mas como as da Cecilia Villanueva garanto que é difícil de encontrar.

Aulas regulares de HATHA VINYASA YOGA, oficinas de PARTNER YOGA, uma sessão por mês de YOGA NIDRA e ainda YOGA GRÁTIS nos parques.

Para completar, Cecilia faz massagem tailandesa também.

Outras informações em Facebook

 

Union Française des anciens combattants

 

Esse lugar já tá um pouco para um lado de Constitución que eu acho mais feio, mas promove uns eventos super bacanas, como noites de ópera.

constitucion opera

Creiam: isso é Constitución!

 

Além disso, eles promovem várias vezes por ano o Le Petit Mercado. Esta feira acontece de quando em quando, o melhor é ser amigo do grupo em Facebook para receber as atualizações.

É lindoooo!

O prédio da Unión Francesa de ex Combatientes de Guerra talvez seja um dos mais escondidos de Buenos Aires. Fica em um espaço criado em 1920 para receber aos soldados da recém terminada Primeira Guerra Mundial.  É uma casona do século XIX, de  teto alto, pisos de parquet e janelas de vitraux.

Fica em Santiago del Estero 1435.

constitucion_feira 1496697_836407956381693_7158886232520919548_n

 

 

 

O post Buenos Aires para descobrir: Constitución “hipster”! apareceu primeiro em Buenos Aires: Aquí me quedo.


Continue lendo → http://aquimequedo.com.br

Calendário pra marcar viagens de 2015

2015 chegando, um ano inteirinho para agendar muitas viagens, dias de aniversário, comemorações especiais e saber quantos feriados vão rolar no próximo ano! E nada melhor do que um calendário personalizado para pendurar na parede e começar a planejar o próximo ano logo logo, né? O pessoal do Foto Registro me convidou a experimentar o […]

The post Calendário pra marcar viagens de 2015 appeared first on Mochila Cult.


Continue lendo → http://mochilacult.com

Traslasierra: roteiro de três dias pelas serras de Córdoba

traslasierra estrada

On the road

Traslasierra: roteiro de três dias pelas serras de Córdoba

 

Onde fica

traslasierra-mapa-de-argentina

Córdoba é a parte marrom do mapa, bem no centro

A província de Córdoba fica no coração da Argentina e é uma das mais lindas do país – famosa por seus cerros e águas transparentes.

A parte conhecida como “Traslasierra”  está localizada aos pés das Altas Cumbres de Córdoba, sendo que a principal cidade da região é MINA CLAVERO. Tem toda a onda da Chapada dos Veadeiros, no Brasil.  Uma paisagem que combina rios, vegetação nativa, cachoeiras, piscinas naturais e pequenos cânions.

Mina também é ponto de partida para os povoados da região, como Nono, Los Hornillos, Villa Las Rosas e Cura Brochero. Recomendo que se alugue um carro para explorar melhor os arredores.

Como chegar

Avião – Para quem nunca foi à região, uma das possibilidades é tomar um avião até Córdoba, capital da província, para conhecer a cidade. Depois seguir para Mina Clavero (150km).

Carro - Aqui, um roteiro bem explicadinho de como chegar a Córdoba, que fica a 722 km de Buenos Aires.

Ônibus – A gente foi de ônibus, via Expreso del Oeste, diretamente para Mina Clavero. São 12 horas de viagem, mas as poltronas são bem confortáveis e a gente nem vê o tempo passar. Na ida, o ônibus sai às 21h e na volta às 19h. O executivo custa 630 pesos.

Chegando lá, alugamos um carro por apenas um dia, na única locadora da cidade, a Cescato, por 500 pesos a diária (novembro de 2014).

Traslasierra onibus traslasierra onibus traslasierra carro

Onde hospedar-se

Pela segunda vez fiquei no Balcón del Rio, uma espécie de cinco estrelas de Mina Clavero.  O hotel tem excelente infra e a melhor vista do rio Los Sauces, além de uma piscina linda, claro. Outra vantagem são as bicicletas grátis para os hóspedes. A diária custa 560 pesos para duas pessoas, mas sempre tem promoção.  Para quem vai em família, eles têm a opção de cabanas, com dois quartos, sala e churrasqueira privada.

A região tem excelente oferta hoteleira, para todos os bolsos. Informações e reservas neste link.  

traslasierra_balcon del Rio

Visú do hotel no final da tarde. Foto: Gisele Teixeira

1º dia – Mina Clavero

traslasierra_nido de aguila. Foto Gisele Teixeira

Meu preferido: Nido del Aguila. Foto Gisele Teixeira

 

A cidade de Mina Clavero em si não é muito linda, mas o fato de ser cortada por dois rios faz com que haja um montão de lugares com água por perto. Neste primeiro dia, aproveitei para mostrar para a Gabriela Grosskopf, minha companheira nesta viagem, uma das minhas paixões na cidade, o Nido del Águila.

 

O banho é láaaa em baixo Brava Gabi, sem medo de água fria Só pra nós

Neste lugar, o rio Mina Clavero fica emparedado entre duas muralhas (de até 8 metros de altura) modeladas pela erosão do ar e da água, formando uma piscina natural que em alguns lugares supera os 3 metros de profundidade. Fica a 1,5km da cidade e tem entrada gratuita. Há uma base com um barzinho, com bebidas e sanduíches naturais, mas que abre somente em alta temporada. Antes de dezembro está fechado!

Fora de estação, levar água e lanchinho!

Outro lugar para ver, pertinho da cidade, são os Elefantes umas formações rochosas impressionantes. Para chegar lá é só pegar o caminho para Cura Brochero. Nem preciso dizer que em alta estação é muvuca… As fotos abaixo são de divulgação.

Balneário Central traslaserra los elefantes

 

MASSAGEM: A gente terminou o dia com massagem no hotel, feita por um dos melhores profissionais que conheci na Argentina, o Cristian de Antoni. Ele vai aonde você tiver. Contato: 011 15 55 06  4909. Super, super, super recomendo.

 

 

2º dia – Nono – Villa las Rosas

mapa traslasierra

A gente fez o pedacinho de Mina Clavero a Rosas

 

Este foi nosso dia mais “intenso”.

Cliquem no mapa ao lado para acompanhar nosso trajeto, de Mina Clavero a Rosas (não dá 100 km ida e volta, tudo é muito pertinho).

Pegamos o carro cedo e fomos direto a Nono para conhecer o MUSEO POLIFACÉTICO ROCSEN - um lugar absolutamente curioso e de difícil classificação. Vai ganhar um post exclusivo no blog.

É uma espécie de “arca de noé de coisas”, um museu que reproduz o “mundo” em seus diferentes aspectos.

São 47 mil objetos espalhados por 2.350m2.

Nessa mescla, há de tudo!

A começar pela fachada, que exibe 49 estátuas que representam a evolução do pensamento humano.

Do lado de dentro, copos de cristal do século XV, um cavalo tibetano de barro de 1000 anos, o primeiro livro de bolso (feito em Veneza, em 1546), múmias, crânios, coleções de borboletas.

 

 

traslasierra rocsen

Santiago e suas 49 estátuas que representam o pensamento da Humanidade. Foto Gisele Teixeira

 

O dono e fundador do Museu Rocsen, é Juan Santiago Bouchon, um francês que chegou ao país em 1950 e se estabeleceu em Córdoba em 1959. O museu foi criado em 1969 e esta aberto os 365 dias do ano.

Mais não vou contar para o post seguinte não perder a graça!

Espiem as fotos.

traslasierra_rocsen1 traslasierra_rocsen2 traslasierra_rocsen3 traslasierra_rocsen4 traslasierra_rocsen5 traslasierra_rocsen6 traslasierra_rocsen7 rocsen chapeu rocsen cozinha

 

Do Museu, a gente foi direto para o balneário PASO DE LAS TROPAS, a 2km dali, também em Nono – nome que provém de ñuño, vocábulo quechua que significa “seios de mujer”. Dois lindos cerros que se levantam altivos e elegantes às margens do Rio Chico inspiraram o nome da cidade e zelam pela pureza das águas.

 

Gabi, minha musa e parceria de aventuras nesta viagem

Gabi, minha musa e parceria de aventuras nesta viagem

 

Apetite a mil, fomos urgente pra  VILLA LAS ROSAS, onde no sábado rola uma super feira gastronômica

Shwarma de ternera, raw food, mapioca (tapioca de milho), sushi veg, astro jugos.

Rosas reúne a galera hippie e mais alternativa da região, além de gente de outras parte do mundo que passaram por lá em férias e nunca mais voltaram, apaixonados pelo lugar. E não é para menos. Villa las Rosas é uma cidadezinha de montanha, ao pé do Cerro Champaquí, cheia de balneários.

Tudo é “podicrê”. A começar pela marca de alfajores: Duende!

São muitas... Vai um cogu? Tudo "saludable" Traslasierra_rosas Parada de ônibus astral! Adorei!

 

À tarde, mais uma paradinha para banho, no DIQUE LA VIÑA, um enorme espelho de água onde a comunidade pratica atividades esportivas, como vela. No anzol, o peixe mais famoso da região: o pejerrey. 

traslasierra lago

Tá bom assim?
Foto: Gabriela Grosskopf

 

3º dia – Mina Clavero

 

A gente aproveitou o último dia para comer o mais famoso peixe da região no restaurante do HOTEL CORONADO, uma delícia. Outros bons lugares para comer são: Belgrano 1340, Mi Lugar e Mamita (mais simples e com porções gigantes).

Depois, como estávamos sem carro, ficamos aproveitando o rio que passa na parte de trás do hotel. É só descer umas escadinhas e dar no paraíso!

 

traslasierra pejerreY

Região perfeita para comer Pejerrey e Trutas

 

Esse rio lindo passa nos fundos do hotel! Demais.

Esse rio lindo passa nos fundos do hotel! Demais.

 

 Tchau, Córdoba!

Tchau, Córdoba!

 

 

O post Traslasierra: roteiro de três dias pelas serras de Córdoba apareceu primeiro em Buenos Aires: Aquí me quedo.


Continue lendo → http://aquimequedo.com.br

Absencia: garantam já seus ingressos em Ideame!

absencia

Todas as fotos são de divulgação

Já falei aqui no blog sobre a BOTICA DEL ANGEL, um lugar diferente de tudo o que você já viu em Buenos Aires.

E também mencionei diversas vezes o trabalho da coreógrafa Andrea Castelli, que trabalha mesclando dança e teatro e é a mentora de obras como Eva, un Recorido, Enaguas, Volver, e Fabulandia, para citar alguns.

Todos vistos e aprovadíssimos!

Agora, Andrea está com novo projeto para dezembro, chamado Absencia, que será montado novamente na Botica. Uma oportunidade super bacana de conhecer este lugar – injustamente pouco visitado – e ainda ver um lindo espetáculo de tango.

Entre as bailarinas do elenco, Aurora Lubiz, super conhecida das tangueiras brasileiras.

 

Importante: são pouquíssimas datas, de modo que o ideal é garantir agora as entradas. AS apresentações serão somente em dezembro, nos dias 3, 4, 5-10-11 e 12, às 21h. Outra coisa, o lugar é pequeno e só se entra com reserva. Ou seja, tem que correr mesmo!

O espetáculo está sendo financiado por IDEAME

Por exemplo, com a colaboração antecipada de 200 pesos a gente leva dois ingressos para a estreia + taça de espumante+ aula grupal de tango para duas pessoas  + Foto digital de souvenir!

absencia absencia El escritor ABSENCIA ABSENCIA

 

ELENCO DE ABSENCIA 

Bailarines: Aurora Lubiz, Corina de la Rosa, Gachi Fernández, Sabrina Castaño, Andrea Manso Hoffman, Patricia Herrera, Florencia Garesio, Federico Santucho, Julián Gutiérrez, Damián Virga.

Presentador José Luis Larrauri

Música Luis Borda

Textos Laura Garaglia

Diseño lumínico  Alberto Lemme

Fotografía y video Gerardo Azar

Diseño gráfico Paloma Pollan

Diseño Vestuario Andrea Castelli –Abril Rosenrauch

Realización y ajustes de vestuario Abril Rosenrauch

Asistencia de Producción Luciana Moyano.

Asistencia de Dirección Carina Mele

O post Absencia: garantam já seus ingressos em Ideame! apareceu primeiro em Buenos Aires: Aquí me quedo.


Continue lendo → http://aquimequedo.com.br